Aconteceu!

Governo do Amazonas apoia aquisição de 1,3 mil toneladas de milho por pequenos pecuaristas


Mais de 1,3 milhão de quilos de milho foram comercializados para pequenos produtores de bovinos, aves e suínos por meio do Programa de Vendas em Balcão (ProVB), no período de 1º de janeiro a 10 julho deste ano, no Amazonas. O programa é gerenciado pela Companhia Nacional de Abastecimento (Conab), com o apoio do Governo do Estado, por meio do Instituto de Desenvolvimento Agropecuário e Florestal Sustentável do Estado do Amazonas (Idam).

Como órgão oficial de Assistência Técnica e Extensão Rural (Ater), o Idam apoia esses pequenos produtores com a documentação exigida para acessar o programa. Exemplo é o Cartão do Produtor Primário (CPP), emitido exclusivamente pelo Idam, que possibilita o desconto de até 20% na compra do milho. Atualmente, a saca de 50 quilos de milho custa no mercado local em torno de R$ 60,00, enquanto a compra realizada junto à Conab nesta primeira quinzena de julho sai a R$ 47,90.

Para este ano, a Conab ainda tem disponível o total de 1,63 mil toneladas de milho para compra subsidiada. O milho vendido a esses produtores é utilizado na alimentação animal.

De acordo com o gerente de Produção Vegetal do Idam e coordenador do Projeto Prioritário do Milho no Amazonas, Pedro Chaves, esse programa é de fundamental importância para o desenvolvimento do setor primário no Amazonas.

“O milho é o principal componente na produção de ração para utilização da produção animal, e o apoio do Governo do Amazonas e Conab tem sido essencial ao agricultor familiar que necessita acessar essa política pública, visto que a demanda pelo produto tem crescido”, destacou.

Para o produtor rural que deseja participar do programa, é necessário apresentar cópias dos documentos pessoais, Cadastro Ambiental Rural (CAR), Declaração de Aptidão ao Pronaf (DAP), Declaração de Produtor Rural, emitida pelo Idam, informando os respectivos plantéis de produção. Caso trabalhe com a criação de gado, as informações deverão ainda ser baseadas conforme comprovante de vacinação dos animais. É necessário também realizar o Cadastro no Sistema Nacional de Produtores Rurais (Sican) no site da Conab.

Atendimento – Segundo informações da Conab, devido ao período de pandemia do novo coronavírus, a Companhia passou a disponibilizar outros canais de comunicação como mensagens instantâneas e e-mail para facilitar o atendimento e o acesso dos produtores aos programas.

Para mais informações basta entrar em contato pelo número (92) 3182-2407 ou pelo email am.balcao@conab.gov.br.

FOTOS: Divulgação/Conab 

Nenhum comentário