Aconteceu!

Secretaria de Educação oferece apoio socioemocional a professores da rede por meio do Vivescer


Programa foi desenvolvido pelo Instituto Península e visa equilibrar mente, corpo e emoções

“Vivescer” é uma palavra criada pelo escritor Guimarães Rosa. Junção das palavras “viver” e “ser”, ela foi interpretada pelo Instituto Península como “viver sendo” ou “viver em constante desenvolvimento”, e serviu de nome para uma plataforma criada para ajudar os professores no autocuidado e autoconhecimento. Estes cuidados estarão à disposição dos educadores da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, por meio de uma parceria firmada para tornar a Educação ainda mais eficaz, a partir da sexta-feira (24/07). As inscrições já podem ser feitas no endereço https://vivescer.org.br/.

A plataforma foi desenvolvida em conjunto com um grupo de professores representando os diferentes estados do Brasil. Nela, os educadores têm acesso a uma comunidade para trocar experiências e uma área com percursos de aprendizagem que estimulam o desenvolvimento. 

A diretora do Centro de Formação Profissional Padre José Anchieta (Cepan), Ana Lucena, conta que a ideia é levar, por meio de Ensino a Distância (EaD), um suporte aos docentes. ”Cada Jornada dá subsídios para os professores aprenderem a lidar com as próprias emoções e também com a emoção dos estudantes, que virão desse processo de retorno gradual às aulas presenciais, ainda sem data definida”, afirmou.

Para a diretora do Vivescer, Mariana Breim, a plataforma permite o constante desenvolvimento dos professores. "Sabemos que ser educador não é uma tarefa simples em um mundo complexo e em constante mudança como o nosso. Mas queremos honrar a escolha que esses profissionais fizeram em algum momento de suas vidas, tornando a tarefa de educar uma fonte constante de energia e realização”, diz. 

Cursos – O Vivescer tem quatro cursos disponíveis, todos certificados, com 32 horas cada. As formações visam ajudar os educadores a equilibrar mente, corpo e emoções, e a se vincular ao seu propósito de vida. Os cursos são autoinstrucionais e podem ser realizados por professores de todas as etapas e modalidades de ensino, no horário de sua preferência. 

As formações são: “Jornada Emoções – As relações entre emoções, ensinar e aprender”, que será no agosto; “Jornada Mente – O papel das crenças e das perspectivas na aprendizagem”, a ser ministrada em setembro; “Jornada Corpo – O corpo como veículo de aprendizagem e bem-estar”, prevista para outubro; e “Jornada Propósito – O propósito de vida dando sentido à profissão”, para novembro. As inscrições são gratuitas e podem ser feitas pelo endereço: https://vivescer.org.br/.

FOTOS: Lincoln Ferreira e Cleudilon Passarinho

Nenhum comentário