Últimas

Criança de 8 anos que era mantida em lixeira, dopada, é resgatada pela polícia

 


Uma criança de 8 anos, foi vítima de maus-tratos, a vitima que vivia em cárcere de privado, em uma lata de lixo, era dopada constantemente, segundo testemunhas do caso. Mãe e avó foram presas em flagrante nesta segunda-feira (17), na Baixa Fluminense, Rio de Janeiro.


Segundo moradores da comunidade  ouvidas elo jornal Extra, a criança de 8 anos vivia em um espaço com menos de 2 metros quadrados e passava horas sem ser alimentado e com sede,  no resgate, ele se mostrava desnutrido e com quadro de inanição.


Ainda segundo os moradores da comunidade, a criança era dopada "com fortes doses de calmantes" e dormia amarrada a uma cama. Ela vivia em uma casa com outras três crianças com idades entre 3 e 10 anos. Todas as vítimas foram encaminhadas ao Conselho Tutela.


Conforme apurado, o menino foi encontrado "trancado no canil sozinho e com diversos ferimentos no corpo, elevado grau de desidratação e desnutrição", disse o Delegado.


A mãe e a avó estão presas de forma preventiva, os nomes não foram divulgados, de maneira a proteger a identidade da criança. 


Elas foram indiciadas pelos crimes de tortura e cárcere privado  podem ser condenadas até 15 anos de prisão. Em defesa, elas  alegaram que a criança tinha problemas mentais e por isso era mantida presa para evitar que ela fugisse.

 

Devido às lesões e ao estado de saúde, o menino foi levado para atendimento médico e está internado sob cuidados de uma equipe multidisciplinar. O estado de saúde dele é delicado.





Com informações: UOl

Nenhum comentário