Últimas

Paola Carosella revela motivo de ter abandonado o MasterChef Brasil

Paola Carosella revelou nesta sexta-feira (14) que teve 3 motivos para abandonar o “MasterChef Brasil”.


Segundo a chef de cozinha nascida em Buenos Aires, pesou na decisão o fato de seus restaurantes precisarem de uma atenção especial, além de querer focar na família. Outro ponto foi não querer levar o programa no "piloto automático".

“Três coisas me fizeram tomar a decisão. A primeira, entendia que os restaurantes iam me necessitar muito. Era fazer o MasterChef ou continuar remando para tocar e manter o Arturito. O La Guapa é diferente porque a locomotora é o Benny.", começou ela em entrevista à revista Veja São Paulo.

"O segundo e mais importante motivo foi a família. Cresci num ambiente tão solitário e para mim ser uma mãe presente tornou-se a prioridade.", explicou.

"A terceira coisa é que, assim como os dois primeiros anos do programa foram muito desafiantes, o terceiro, o quarto e o quinto, deliciosos, senti que tinha o risco de entrar no piloto automático, de parar de me surpreender.”, concluiu.

Também na entrevista, a chef argentina que mora no Brasil há 20 anos revelou que irá se naturalizar brasileira. "Começamos o processo em 2019. Aí veio a pandemia, os documentos venceram e um não chegou. Em março entregamos a documentação completa. Quero votar", contou ela.

Falando em exercer o seu direito de cidadã, a chef conta que não se intimida em falar de política nas redes sociais, ainda que isso gere ódio em cima dela. "Me mandar embora (do país) é a menor de todas as coisas. 'Esse traveco tem de morrer' é uma das coisas mais horríveis que escreveram e mostra a miséria humana", lembrou.

"Às vezes estou muito revoltada e vou lá e falo uma coisa. Depois, vejo o que volta. De onde vem tanta raiva e ódio? Sei que eu tenho uma voz, que as pessoas me seguem e me escutam", explicou.

Nenhum comentário