Últimas

Uber oferece conselhos amorosos, cumplicidade e sigilo em suas viagens

“Levo para motel, casa das primas, matagal, prédio abandonado. Não ligo pro seus fetiches, eu quero é ganhar dinheiro. Até espero, só não participo”. Essa é uma das únicas recusas de Paulo Francisco, motorista particular e de aplicativos, como Uber e 99Pop, que decidiu usar as redes sociais para promover o seu trabalho e afirmar que topa tudo – ou quase tudo.


O post em seu perfil no Facebook, feito no dia 29 de março, já conta com mais de 46 mil reações, 32 mil compartilhamentos e mais de 10 mil comentários.

Apesar de ser morador de São Paulo, ele deixa claro que distância não é um problema, aceitado corridas para Itaquera, Capital, aeroporto de Guarulhos, litoral e “até para o Acre, se você quiser”. Além disso, o motorista demonstra uma enorme preocupação com a higiene, afirmando que “ao entrar no carro você não sabe quem tá mais cheiroso, eu ou ele”.




Nenhum comentário