Últimas

COVID 19: Cinemas voltam a funcionar e restrição de circulação de pessoas na rua entre 0h e 6h se mantém no AM

Novo decreto terá validade de 15 dias e salas de cinema terão que restringir ocupação em 50%



Manaus- Pelos próximos 15 dias, a contar de 28 de junho, o horário de circulação de pessoas continuará restrito no período entre 0h e 6h. A decisão é do Comitê Intersetorial de Enfrentamento à Covid-19, do Governo do Amazonas, que autorizou o funcionamento de salas de cinemas, desde que sigam uma série de protocolos sanitários e restrinjam a capacidade de público a 50%.

 

A medida estará definida em um novo decreto estadual, que ainda será publicado. O governador alertou que, embora a vacinação contra a Covid-19 esteja avançando, é necessário que a população não deixe de seguir as medidas para conter a transmissão do novo coronavírus.

 

Os indicadores sobre a Covid-19, avaliados pelas autoridades sanitárias do Estado, mantiveram o Amazonas na fase laranja, o que corresponde a risco moderado para a transmissão do novo coronavírus.

 

Cinemas 


Ao solicitarem a reabertura das salas de cinema, os representantes do segmento pactuaram os protocolos sanitários que se comprometem a seguir. Em caso de descumprimento, estão cientes de que o comitê pode voltar atrás e adotar medidas ainda mais restritivas.

 

Além de limitar a capacidade de público em até 50%, as salas serão higienizadas nos intervalos de cada sessão, item a item, incluindo poltronas, porta-copos e corrimãos. A máscara será obrigatória em todas as áreas comuns dos cinemas e haverá aferição de temperatura, independentemente de o serviço ser executado nas entradas dos shoppings. Será disponibilizado álcool em pontos estratégicos.

 

Haverá distanciamento entre pessoas. Nos cinemas, casais, famílias e pessoas que têm convívio podem se sentar juntas em, no máximo, grupos de até quatro pessoas. As empresas devem incentivar a compra do ingresso pela internet para evitar aglomerações nas bilheterias. As salas devem possuir sistema de renovação contínua do ar.


Espetáculo ‘Folguedos’, do Balé Folclórico do Amazonas, será exibido na próxima terça-feira (29/06)



O espetáculo “Folguedos”, do Balé Folclórico do Amazonas (BFA), será exibido na próxima terça-feira (29), às 20h. A apresentação será transmitida pelo Governo do Amazonas, por meio das redes sociais da Secretaria de Estado de Cultura e Economia Criativa (@culturadoam) e também pela TV Encontro das Águas, redes sociais (@tvencontrodasaguass) e TV. O espetáculo é uma homenagem ao Festival Folclórico do Amazonas, gravado no palco do Teatro Amazonas.

 

Criado em 2014, o espetáculo já ganhou diferentes formatos em cada apresentação e se mostra como um grande arraial, com direito a danças folclóricas tradicionais e situações típicas desta festa popular. A homenagem ao Festival Folclórico rememora momentos das décadas de 1950 e 1960, quando o evento era realizado no campo General Osório. 

 

Neste ano, o espetáculo terá convidados especiais que participaram do projeto “Balé Folclórico do Amazonas Recebe”, um bate-papo sobre folclore brasileiro realizado em encontros on-line no Instagram da companhia (@bfa.am).

 

“Todo ano fazemos esse espetáculo no mês de junho porque temos a oportunidade de apresentar ao público as danças folclóricas, porém, neste ano teremos uma novidade. Neste primeiro espetáculo, teremos o Centro de Tradição Gaúcha Rancho Manauara, que vai fazer participação em três danças”, explica Conceição Souza, diretora do BFA. 

 

Conceição afirma que este novo formato de apresentações com convidados formará novas plateias para o público que acompanha a dança no Amazonas. “Temos um público muito fiel em nossas redes sociais e agora podemos apresentar a eles novos grupos locais e também dar um apoio a estes grupos, é um intercâmbio muito bom. O grupo que chamamos vai se apresentar pela primeira vez no Teatro Amazonas e estão muito felizes com isso”, ressalta. 

 

O grupo Centro de Tradição Gaúcha Rancho Manauara foi fundado em 2006, com o objetivo de difundir a cultura local dos povos amazônicos e brasileiros tendo como principal segmento a Dança Gaúcha. Além do grupo convidado, o repertório contará com músicas da banda Carrapicho, Lucilene Castro, Trio Nordestino, Nicolas Jr., Raízes Caboclas, entre outros.

 

Balé Folclórico do Amazonas 


Criado em 2001, o BFA integra os Corpos Artísticos do Estado, com a proposta de resgate das danças tipicamente amazonenses. A companhia é referência em danças folclóricas e traz, nos espetáculos, os elementos das culturas tradicionais da região, como os rituais indígenas e o cotidiano dos ribeirinhos.

 

O repertório conta com espetáculos como “Beiradão”, “Herança Africana”, “Cenas Amazônicas”, “Encantos da Amazônia”, “Ritos Amazônicos”, “Bem do interior”, “Causos de Cunhã” e “Dança do Sol”.

 


FOTO: Michael Dantas/Secretaria de Cultura e Economia Criativa

 

Nenhum comentário