Últimas

Milionária acusada de matar o namorado irá para presídio


A milionária Anne Cipriano Frigo, acusada de planejar a morte do namorado no mês passado, teve a prisão preventiva decretada nesta quarta-feira (28), segundo o 89° Distrito Policial (Portal do Morumbi).


A mulher deve ser transferida para um Centro de Detenção Provisória nesta quinta (29), no período da manhã, por uma equipe do DHPP.


Até o momento, não há informações sobre endereço da unidade. Como o processo está em segredo, o TJ-SP (Tribunal de Justiça de São Paulo) não divulgou outras informações sobre o caso.


O caso


Após a morte de Vitor Lúcio Jacinto, no dia 17 de junho, a empresária milionária Anne Cripirano Frigo foi detida temporariamente no dia 29 de junho, suspeita de ser a mandante da execução. Carlos Lex Ribeiro de Souza, funcionário da família, também foi preso e confessou ter executado o homem.


Anne e o namorado haviam se conhecido meio de um aplicativo de relacionamento. Na época, Vitor trabalhava como segurança em um restaurante. Quando começou a namorar Anne, ele abandonou o emprego e começou a ser sustentado por ela.


De acordo com a delegada Magali Celeghin Vaz, do DHPP (Departamento de Homicídios e de Proteção à Pessoa), o casal vivia uma vida luxuosa e tinha duas residências.


Anne vivia com os filhos no bairro Vila Nova Conceição, bairro nobre da zona sul de São Paulo, enquanto Vitor ficava em um imóvel em Alphaville, em Barueri, região metropolitana de São Paulo.


Ao longo do relacionamento, a vítima recebeu vários presentes caros como relógios da marca Rolex, viagens para Europa, e um carro Porsche, avaliado em 2 milhões de reais.


Em determinado período, eles começaram a discutir muito até que se separaram. Consequentemente, Anne parou de sustentá-lo. Como estava sem dinheiro, Vitor decidiu retomar o relacionamento.


Segundo as investigações, enquanto tentavam voltar o namoro, a milionária descobriu várias traições, o que a motivou a planejar a morte de Vitor.



Fonte: noticias

Nenhum comentário