Últimas

Homem que matou vigilante durante assalto em ônibus do transporte coletivo é preso em Manaus


Manaus- A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Roubos, Furtos e Defraudações (DERFD), cumpriu, na manhã de quinta-feira (26),  por volta das 9h30, mandado de prisão preventiva em nome de Ezequiel Tavares da Silva, de 18 anos, pelo latrocínio que teve como vítima o vigilante Helder Luiz Menezes Bresson, que tinha 49 anos. O crime ocorreu no dia 15 de abril deste ano, durante uma tentativa de assalto na linha de ônibus 640. A prisão foi efetuada no bairro Flores, zona centro-sul. 

De acordo com o delegado Denis Pinho, titular da DERFD, o indivíduo faz parte de um grupo criminoso especializado em roubo a ônibus. Segundo ele, outros dois integrantes do grupo, já foram presos, anteriormente, pela Polícia Militar do Amazonas (PMAM). 

 

Durante as investigações, conseguimos identificar a participação do indivíduo, e também verificamos que ele não agiu sozinho. As diligências irão continuar para identificar demais infratores. Foi solicitado à Justiça pelo mandado de prisão em nome dele, e a ordem judicial foi expedida no dia 23 de maio deste ano, pela juíza Eline Paixão e Silva Gurgel Pinto, da Central de Inquéritos Policiais”, explicou Pinho. 

 

Com a ordem judicial decretada, os policiais seguiram até a casa de Ezequiel, no bairro Flores, zona centro-sul da capital, e efetuaram a sua prisão. Durante depoimento na unidade policial, ele afirmou a autoria do crime, e disse que atingiu Helder Luiz com um disparo de arma de fogo. 

 

Procedimentos


Ezequiel responderá pelo crime de latrocínio. Após os procedimentos cabíveis na DERFD, ele será encaminhado à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde permanecerá à disposição da Justiça.

Nenhum comentário