Últimas

TJAM realiza mutirões para agilizar processos previdenciários no Amazonas

  O Tribunal de Justiça do Amazonas realiza mutirões de instruções e perícias médicas e sociais em processos previdenciários em municípios no interior do Amazonas.

Desta vez, a ação acontece em Humaitá, onde os trabalhos tiveram início na segunda-feira (27) e prosseguem até o próximo dia 2 de outubro, com o apoio das equipes da 1.ª e da 2.ª Varas da comarca.

As partes, em grande maioria, pessoas idosas e em situação de vulnerabilidade social,  vêm sendo atendidas com o devido cuidado, dentro das restrições impostas pela pandemia da covid-19.

O Cejusc Civel atua de forma remota e presencial. Uma equipe de quatro servidores está na Comarca de Humaitá realizando o mutirão de audiências presenciais, instruindo partes e testemunhas, bem como elaborando sentença em mais de 2 mil processos.

Além de Humaitá, as Comarcas de Itacoatiara, Autazes e Manacapuru serão beneficiadas com o mutirão, que já foi realizado nas Comarcas de Lábrea, Careiro Castanho e Manaquiri.

A atuação da Cejusc-Cível vem impactando na redução significativa de processos relacionados à matéria previdenciária do Tribunal.

Atualmente, o acervo do TJAM conta com menos de 13 mil processos previdenciários em curso. A pretensão é de reduzir esse acervo para menos de 4 mil em um ano”, explicou o juiz Roberto Santos Taketomi.

Nenhum comentário