Últimas

Homem armado que surtou em flutuante não é policial, diz PC-AM

Manaus/AM -  Pedro Paulo de Souza, de 40 anos, que foi preso após ameaçar pessoas em um flutuante no Tarumã, na manhã desta segunda-feira (25), não pertence ao quadro de policiais civis do estado, disse a Polícia Civil do Amazonas em nota.

O homem foi levado para o 19º Distrito Integrado de Polícia (DIP) após funcionários do flutuante acionarem a Polícia Militar, comunicando que Pedro teria discutido com um grupo de pessoas que estava na mesa ao lado por conta de uma mulher com quem ele estava flertando.

Embriagado, ele teria sacado a arma e passou a apontar para os populares, gritando que era policial civil. Para os militares, ele também afirmou ser agente público de segurança, o que não foi confirmado na delegacia.

Ele estava em posse de uma arma de fogo calibre .40, um carregador com 14 munições, não deflagradas, e um aparelho celular.

O suspeito deve responder irá responder a Justiça por  porte ilegal de arma de fogo.


Nenhum comentário