Últimas

Polícia Civil prende casal envolvido em golpes de vendas de consórcios contemplados


Prejuízo às vítimas está estimado em mais de R$ 1 milhão




 

Manaus- A Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio das equipes do 3° Distrito Integrado de Polícia (DIP) e 24º DIP, prendeu na quinta-feira (16), por volta das 16h, Tamires Moraes de Souza, 32, e Roney Afonso Rodrigues, 35, investigados por aplicar golpes envolvendo vendas de consórcios contemplados inexistentes, causando prejuízo estimado em mais de R$ 1 milhão.

 

De acordo com o delegado George Gomes, que está respondendo interinamente pelo 3° DIP, durante as investigações, os policiais descobriram que a mulher tinha um escritório localizado na avenida Djalma Batista, zona centro-sul, que utilizava como base fixa para aplicação dos golpes.

 

“A dupla atuava há cerca de cinco anos. Até o momento, descobrimos que dez pessoas foram vítimas do golpe, e os infratores cobravam de R$ 1 mil a R$ 50 mil às vítimas. Durante esses anos, o prejuízo está estimado em R$ 1 milhão”, disse o delegado.

 

Ainda conforme a autoridade policial, Tamires e Roney estavam sendo procurados há cerca de oito meses, desde que os policiais chegaram a identificação deles. Os mandados de prisão em nome deles foram expedidos em maio deste ano, pelo juiz Rafael Rocha Lima, da Central de Inquéritos.

 

Prisão 


“O casal foi encontrado em uma residência na comunidade do Abelha, na zona rural de Manaus. Tivemos dificuldade para localizar a casa, que fica na margem direita do Rio Negro, porém, efetuamos as prisões”, contou Gomes.

 

Procedimentos 


A dupla responderá pelos crimes de estelionato e associação criminosa. Ambos serão encaminhados à Central de Recebimento e Triagem (CRT), onde ficarão à disposição da Justiça.

 


FOTO: Mayara Viana/PC-AM

Nenhum comentário