Últimas

Justiça manda leiloar mega templo da Igreja Mundial

A ordem foi por conta de uma dívida de cerca de R$ 409,8 mil do imóvel, que atualmente está desocupado.




Nesta quinta-feira (14), a Justiça de São Paulo determinou o leilão da sede da Igreja Mundial do Poder de Deus, localizada em Santo Amaro, na Zona Sul de São Paulo.


A ordem foi por conta de uma dívida de cerca de R$ 409,8 mil do imóvel, que atualmente está desocupado.


A aquisição do apóstolo Valdemiro Santiago foi inaugurada em 2014, possui 46,8 mil m² e capacidade para receber cerca de 20 mil pessoas.


O edifício de cinco pavimentos tem 813 automóveis e 162 motos. Segundo o juiz Luiz Fernando Guerra, responsável por atender um processo movido pela empresa Guima-Conseco Construção, Serviços e Comércio, o imóvel é avaliado em R$ 33,47 milhões.


De acordo com o UOL, a Igreja Mundial contratou a Guima-Conseco em 2017, para prestar serviços de limpeza, controle de pragas e limpeza de caixa d’água dos templos do Brás, sede da igreja, e de Santo Amaro, a subsede.


Porém, após dois anos, quando se instalou uma crise financeira na instituição, a igreja não pagou três parcelas do contrato. O valor atualizado, que inclui correção monetária, juros e multa, chegou a R$ 409 mil.


A igreja não vive um bom momento, e já é alvo de uma série de cobranças judiciais por dívidas. A defesa argumenta que o fechamento das igrejas durante o período de pandemia da Covid agravou a situação.

Nenhum comentário