Últimas

Governo do Amazonas entrega laboratório de robótica para escola de tempo integral de Manaus

Cetim João dos Santos Braga, na zona norte, recebeu o Espaço Maker, do projeto Fazer Para Aprender




O Governo do Amazonas, por meio da Secretaria de Estado de Educação e Desporto, entregou no  Centro de Educação de Tempo Integral (Ceti) João dos Santos Braga, mais um Espaço Maker, do projeto Fazer Para Aprender. A iniciativa, que integra o programa Educa+Amazonas, lançado em 2021 pelo governador Wilson Lima, garante à unidade de ensino um laboratório que será usado para práticas experimentais nas mais diversas áreas do conhecimento.

 

O local conta com recursos para a elaboração de estações de robótica e eletrônica, videomaker, carpintaria, corte e montagem, impressão 3D, pesquisa e leitura, realidade virtual e aumentada e projeção midiática. Além das estações, o projeto ainda contempla material didático e paradidático impresso, plataforma digital de acesso aos recursos midiáticos e formação docente.



 

A secretária de Estado de Educação e Desporto, Kuka Chaves, fez a entrega do laboratório e destacou a inauguração de  20 laboratórios no próximo mês. 

 


“Este aqui é o sétimo espaço maker que o governador do Amazonas anunciou, serão 100. No mês de junho, nós teremos 20 laboratórios entregues, todos eles já estão na finalização ou em obras.  A escola João dos Santos Braga, recebe hoje esse sétimo laboratório, que vem trazendo inovação, criatividade e tecnologia”, declarou.

 

A secretária ressaltou ainda a importância do espaço para o desenvolvimento dos jovens. “Sabemos que é dessa forma que nós conseguimos incentivar cada vez mais os nossos jovens a permanecer na escola, a buscar novas alternativas, inclusive, de futuro profissional, e esse é um projeto que veio pra ficar. A tecnologia de ponta numa escola estadual de ensino, e o governador, com isso, mostra que o trabalho fala pela gente”, pontuou Kuka Chaves. 

 

Entusiasmada, a estudante Thalyta Simões, de 12 anos, destaca que o apoio a iniciativas é relevante para a educação. “Eu gostei mais da área da robótica e eu acredito que, com todo esse apoio que a gente já tá tendo, a Seduc vai poder mudar o Brasil”, afirmou.

 


Já a estudante Maria Lídia aguarda ansiosa pelas aulas no laboratório. “O que mais eu gostei na sala maker foi o espaço da robótica. Por mais que eu não seja muito experiente no assunto, eu penso que durante os anos, eu vou aprender ainda mais. Eu gostei bastante do espaço e espero ter muitas aulas aqui”, afirmou a estudante.

 


O professor Seigon Xavier, que atua no Ceti João dos Santos Braga, na disciplina de Química, conta como o laboratório vai contribuir com as estratégias de ensino desenvolvidas na escola.

 

“O espaço tem muitas possibilidades, a gente tem desde a impressora 3D ao espaço de marcenaria, e também a parte de trabalho com realidade virtual que pode trazer ainda mais interesse aos alunos. A gente, que já tem uma certa idade, não teve essas coisas na nossa época, e é um momento em que a gente olha para esse laboratório e pensa que quer passar o dia todo aqui, aprendendo tudo que tem para aprender”, ressaltou o professor. 

 

Para o professor Seigon, o espaço garante oportunidades aos estudantes. “Eu espero que os alunos da escola possam aproveitar bem esse espaço, participar de bastantes projetos que a gente vai, com certeza, ao longo de um tempo, desenvolver aqui também, participar de olimpíadas como a de robótica, que tem aqui em Manaus”.


 Fazer Para Aprender

O projeto visa fomentar o desenvolvimento de metodologias ativas de aprendizagem em ambientes multi-instrucionais em escolas da rede pública estadual.

 


FOTOS: Euzivaldo Queiroz/Seduc-AM

 


Nenhum comentário