Últimas

Polícia nega que servidora do TRT tenha feito empréstimo de R$ 30 mil para genro em Manaus



A delegada Marília Campêlo, da Polícia Civil, negou oficialmente que o genro Igor Melo e Silva, teria feito um empréstimo de R$ 30 mil no nome da servidora do TRT, Silvanilde Ferreira Veiga, em Manaus.

Conforme a delegada, o empréstimo nunca existiu nos autos.

“Essa situação de empréstimo de R$ 30 mil nunca houve, a pessoa que falou isso deve responder de onde surgiu e essa informação, não existe nos autos”, garantiu Marília.

Ainda conforme a delegada, vale lembrar que Kaio Claudino, preso suspeito de matar a servidora, agiu sozinho e cometeu o crime sob o efeito de drogas. A intenção dele era roubar Silvanilde para conseguir mais dinheiro para comprar entorpecentes, tanto que o crime não foi planejado.

Nenhum comentário