Últimas

Golpistas anunciam falsa inscrição em programa habitacional com taxa de R$ 80 em Manaus


Manaus/AM -  Golpistas estão anunciando uma falsa inscrição em programa habitacional e cobrando uma taxa de R$ 80 para o cadastramento, segundo o alerta divulgado pela Prefeitura de Manaus nesta sexta-feira (8).  

Vítimas têm denunciado a vinculação de um residencial multifamiliar em construção no bairro Tarumã, zona Oeste, que estaria cobrando taxa de até R$ 80 usando o nome da Prefeitura de Manaus. A denúncia está sendo encaminhada pela equipe da Vice-Presidência de Habitação e Assuntos Fundiários (Vpreshaf), que reforça não ter cadastro aberto e nem cobrança de nenhum tipo.

“Temos um cronograma e todas as ações são amplamente divulgadas. Caso alguém tenha feito alguma negociação com o suspeito, envolvendo cadastro, a orientação é procurar uma delegacia, fazer a denúncia à polícia e registrar um BO”, explicou Queiroz.

O atendimento na Vpreshaf é feito somente por agendamento prévio, pelos telefones (92) 98844-2001 e 98842-4669, de segunda a sexta-feira, de 9h às 12h, exceto feriados e pontos facultativos.

Atualmente, dois pontos da Habitação funcionam na capital, para atender cidadãos que já têm cadastro para o programa municipal: um na galeria Espírito Santo, na rua 24 de Maio com a Joaquim Sarmento, Centro; e outro no Pronto Atendimento ao Cidadão (PAC) municipal do shopping Phelippe Daou, no Jorge Teixeira, zona Leste. Ambos funcionam das 8h30h às 13h.

Quem não tem cadastro deve esperar uma nova fase, que será amplamente anunciada. Os agendamentos são feitos das 9h às 12h, e os que forem chamados a atualizar o cadastro devem levar os seguintes documentos: Carteira de Identidade e CPF; comprovante de residência (água, energia); Certidão de Casamento/Divórcio; Certidão de Nascimento dos filhos menores de 18 anos; e Título de Eleitor.

Os dados cadastrais disponíveis hoje na rede municipal são interligados ao Sistema Nacional de Cadastro Habitacional (SNCH). Antes de divulgar informações pessoais em cadastramento, a população deve verificar nas redes sociais e no site da Prefeitura de Manaus se está ocorrendo alguma ação oficial.

Nenhum comentário