Aconteceu!

Morre médico acusado de agredir grávida durante parto em Manaus


Manaus/AM - O médico Armando Andrade Araújo morreu na última quarta-feira (29), conforme anúncio do Sindicato dos Médicos do Amazonas (Simeam), nesta quinta-feira (30). O profissional ganhou destaque nacional por ser acusado de agressão obstétrica contra uma grávida em Manaus, caso que foi denunciado em fevereiro de 2019, com ampla divulgação de vídeo que flagrou o ato. 
Armando Andrade Araújo também foi condenado a três anos de prisão no ano passado por corrupção ativa pela cobrança de R$ 2 mil de uma paciente para realizar parto em maternidade pública da capital. O médico chegou a ser preso em 2015 por conta deste processo. 
A causa da morte não foi confirmada. 

Nenhum comentário