Últimas

Crueldade: Filho confessa ter matado mãe uma semana após enterrar pai no quintal

De acordo com a polícia, mãe estava com mãos amarradas e com um saco plástico na cabeça, o que indicaria morte por asfixia


Um homem de 40 anos, identificado como Sergio Castorino Júnior, foi preso, ontem, (15), suspeito de matar os pais.

A mãe foi encontrada morta no andar de cima da residência, com as mãos amarradas. A suspeita é que o pai dele esteja enterrado no quintal da casa há pelo menos uma semana.

Segundo a polícia, o pai foi identificado como Sergio Castorino e teria sido morto no último domingo, (9). Um espeto de churrasco teria sido utilizado para o crime. Segundo o tenente Daniel, o suspeito alegou que cometeu o crime após o pai se negar a entregar dinheiro para a compra de drogas. 

“A mãe estava viajando durante a discussão do rapaz com o pai, no domingo passado. Como o pai não teria cedido, o crime aconteceu. A mãe retornou durante a semana e, diante da insistência de saber o que havia acontecido, também acabou morta”, explicou.

Com a prisão, Junior foi encaminhado à Central de Flagrantes de Curitiba. No quarto do agressor, a Polícia Militar encontrou uma quantia considerável de cocaína.

De acordo com a Polícia Militar (PM), familiares desconfiaram de algo suspeito após terem reparado em marcas de sangue na residência da Rua Dom João VI.

 

Com informações do Metrópoles.


Nenhum comentário