Últimas

Após ataques, prefeitura inicia reconstrução do Distrito de Obras da zona Oeste

 O prefeito David Almeida e o vice-prefeito e secretário municipal de Infraestrutura, Marcos Rotta, acompanharam na manhã desta segunda-feira, 7/6, o início da reconstrução do Distrito de Obras Oeste, localizado na Compensa, zona Oeste de Manaus, incendiado durante os ataques deste final de semana. A previsão é de que toda a estrutura seja recuperada em até 72 horas.

“Vamos deixar a parte criminal com o Estado, mas vamos trabalhar incansavelmente para recuperar todos os espaços depredados, em 48 horas, no máximo em 72 horas. Esse tipo de ação criminosa de vandalismo não pode ser aceito em nossa cidade”, afirmou o prefeito, que determinou que o Distrito de Obras seja totalmente renovado. “Vamos aumentar o muro dessa unidade e colocar concertina para dar mais segurança”, afirmou David.

Na ação criminosa, a base administrativa do Distrito e vários de seus itens foram incendiados, assim como uma retroescavadeira – de uma empresa terceirizada – que estava no pátio. Mais de 70 homens da Secretaria Municipal de Infraestrutura (Seminf), com apoio da Secretaria Municipal de Limpeza Urbana (Semulsp), atuam na recuperação do patrimônio municipal.

“O triste cenário que Manaus viveu nesse domingo, com diversos ataques às estruturas da prefeitura, não vai nos desmotivar nem nos impedir de levar os serviços que a cidade merece, a quem mais precisa. Nossos servidores – de diferentes distritos – estão atuando em ação conjunta para recuperar toda a estrutura, que será renovada completamente o mais rápido possível, para que logo volte a funcionar levando serviços de infraestrutura para a nossa população”, garantiu o vice-prefeito Marcos Rotta.

Segurança

O prefeito David Almeida antecipou que ainda esta semana enviará à Câmara Municipal de Manaus (CMM) a proposta para a criação da Secretaria Municipal de Defesa Social e defendeu a posse de armas para a Guarda Municipal, propostas dele ainda durante a campanha que ainda não foram concretizadas devido ao decreto federal que impede a criação de novas estruturas na prefeitura.

 

— — —

Texto – Divulgação / Seminf

Fotos – Osmar Neto / Seminf

Disponíveis em – https://flic.kr/s/aHsmVWMi4Y

Nenhum comentário