Últimas

Diarista é pisoteada ao entrar em ônibus e aguarda 50 minutos por atendimento

 Após um dia intenso de trabalho, a diarista Cícera Aparecida da Silva, de 56 anos, foi pisoteada no BRT quando voltava para casa. O acidente ocorreu nessa quinta-feira (1º), no Terminal Alvorada, na Barra da Tijuca, na Zona Oeste do Rio.


A mulher estava tentando entrar no ônibus, quando foi empurrada e jogada no chão no corre-corre de passageiros na ânsia de conseguir um lugar no ônibus.

O filho dela fez um vídeo da mãe, enquanto ela aguardava atendimento dentro do ônibus na estação. Segundo ele, é a quarta vez que ela se machuca ao tentar embarcar num ônibus. “Não se tem uma ambulância para atender a pessoa. É essa situação que a gente vive", disse o filho Deivid Luiz, que reclamou que a mãe esperou 50 minutos pelo socorro.

Cícera, que é diarista, teve a perna machucada. Ela foi socorrida no Hospital Lourenço Jorge, na Barra da Tijuca, onde não foi constatada fratura. Ela teve a perna enfaixada e teve alta.

O Sistema BRT informou que prestou assistência à passageira e chamou a ambulância do Samu, que a levou para o hospital.

Nenhum comentário