Últimas

Motorista do caminhão que esmagou duas mulheres em Manaus estava acima da velocidade permitida, diz laudo

 


Manaus|AM- O laudo pericial do acidente de trânsito que causou as mortes de Suzy da Silva Pedrosa e Maria Eduarda Cardoso Caldas, no dia 27 de agosto deste ano, na avenida Rodrigo Otávio, bairro Japiim, zona sul, constata que os freios do veículo que colidiu e esmagou o veículo das vítimas estavam funcionando normalmente e apontou a responsabilidade do motorista do caminhão, uma vez que o mesmo estava acima da velocidade permitida para aquela via.


O motorista se apresentou à polícia, foi detido e solto após pagar fiança de R$ 10 mil. Ele vai responder pelo crime de homicídio culposo, quando não há intenção de matar. O Inquérito Policial (IP) foi finalizado pela Delegacia Especializada em Acidentes de Trânsito (Deat), e encaminhado à Justiça.


Tribunal de Justiça do Amazonas (TJAM) informou que o processo sobre o acidente tramita na Central de Inquéritos e encontra-se com vistas ao Ministério Público do Amazonas (MP-AM).


O acidente


As duas mulheres morreram em um acidente de trânsito envolvendo cinco veículos, no dia 27 de agosto, na avenida General Rodrigo Otávio, bairro Japiim, Zona Sul de Manaus. O carro em que as vítimas estavam foi esmagado entre dois caminhões.


Segundo a polícia, pelo menos 15 bombeiros atuaram, durante cerca de 3h30, para remover os corpos das ferragens.


O acidente envolveu cinco veículos. Um carro de passeio foi prensado por uma carreta e um caminhão que transportava areia. O motorista do caminhão teria provocado o acidente, batendo na traseira do carro. O veículo ficou totalmente destruído. 





Via Band News Difusora FM 


Foto: Reprodução

Nenhum comentário