Últimas

Prefeitura abre inscrições para contratação temporária de 250 vacinadores e registradores para campanha antirrábica


A Prefeitura de Manaus abriu, a partir da 0h desta segunda-feira, 25/10, as inscrições para o Processo Seletivo Simplificado destinado à contratação temporária de 210 vacinadores, que irão atuar na Campanha de Vacinação Antirrábica Animal de 2021, durante 45 dias. A ação é coordenada pela Secretaria Municipal de Saúde (Semsa) e as inscrições podem ser realizadas até as 23h59 do dia 30/10, exclusivamente por meio do site oficial da secretaria, no link https://pssemsa.manaus.am.gov.br/.   

 

Os vacinadores terão jornada de trabalho de 36 horas semanais, de segunda a sexta-feira, no horário de 7h30 às 13h30. A remuneração mensal será de R$ 1.100, incluindo parcela indenizatória de insalubridade, auxílios transporte e alimentação, além de salário família. O período de execução dos trabalhos será de 51 dias corridos, incluindo os sábados que não forem feriados, com data de início a ser definida e divulgada pela administração, quando da convocação dos candidatos.

 

Entre as atribuições executadas pelos profissionais estão o transporte e a aplicação das doses de vacina em cães e gatos e preenchimento do Certificado da Vacina. A campanha está prevista para iniciar no mês de setembro.

 

O edital está disponível para consulta no Diário Oficial do Município (DOM) de 22/10, no endereço eletrônico https://bit.ly/3no6xFB. O interessado no PSS deve preencher o formulário informando os dados dos documentos e anexar os arquivos individualmente em formato PDF, tamanho 1MB no máximo, conforme o que consta no edital.

 

Requisitos

 

Os candidatos que desejam participar do PSS precisam possuir o ensino fundamental completo, cursos profissionalizantes, qualificação ou aperfeiçoamento na área de Zoonoses e experiência na função de vacinador e registrador.

 

Os critérios para pontuação serão definidos com base nas capacitações de qualificação do candidato e nas cargas horárias de cada especialização, que deve ser superior a 8 horas, conforme descrito no edital.



Texto - Sandra Monteiro / Semsa

Foto – Altemar Alcântara / Arquivo Semcom


Nenhum comentário