Últimas

Baderna: Candidatos do concurso da PM são prejudicados com local de prova errado em Manaus; veja

Candidatos descobriram endereço errado minutos antes e muitos perderam a prova; entenda


Manaus (AM) – As primeiras horas de realização do concurso da Polícia Militar do Amazonas (PM-AM) foram marcadas por confusão em alguns locais de provas em Manaus. Candidatos descobriram endereço errado minutos antes e muitos perderam o certame.




Dezenas de candidatos foram surpreendidos com o local de prova fechado neste domingo (6). O endereço indicava que a Escola Estadual Professor Antenor Sarmento estaria localizada na avenida Tapajós, no Centro de Manaus, mas há três anos a unidade de ensino havia sido realocada para outro prédio, na avenida Urucará, no bairro Cachoeirinha, na Zona Sul de Manaus.


“Quase derrubamos os portões, mas apenas informaram que não poderiam fazer nada”, disse uma candidata.






Até mesmo candidatos que vieram de outros municípios foram afetados. Muitos ainda tentaram correr para outra o novo endereço, mas os portão da escolas já estavam fechados.


Outras situações


Alguns candidatos relataram dificuldades antes de iniciar as provas neste domingo na Universidade Nilton Lins, no bairro Fores. 


Eles disseram que chegaram no local antes do horário marcado para procurar o local de prova, mas os portões estavam fechados.


Em outros Municípios onde também o concurso foi realizado, também há reclamações de candidatos que não conseguiram fazer a prova por chegarem atrasados ao local da prova.


Em um vídeo que circula nas redes sociais, uma das candidatas aparece revoltada por não entrar no local da prova, e diz se sentir injustiçada por ser prejudicada pela chuva.


“Fecharam os portões 15 minutos antes com uma chuva, jogaram a gente na baixa da égua (sic), passando da barreira, e isso é uma sacanagem que estão fazendo com vários candidatos que não tiveram a oportunidade de entrar por conta da chuva e do horário.” Desabafa. 




Nenhum comentário