Últimas

Visitadores do Programa Criança Feliz em Coari são capacitados em Práticas de Literacia Familiar


O Município é o único do Estado do Amazonas a participar do projeto piloto do Programa Conta pra Mim, uma parceria entre o Ministério da Cidadania e o Ministério da Educação_ 

Os profissionais que atuam no âmbito do Programa Criança Feliz em Coari, receberam nesta sexta-feira (04), no auditório do Centro de Referência de Assistência Social (CRAS I), o certificado do Curso Práticas de Literacia Familiar nas Visitas Domiciliares do Programa Criança Feliz. A capacitação faz parte das ações piloto do Programa Conta pra Mim, resultado de uma parceria entre o Ministério da Cidadania e o Ministério da Educação.

Coari foi o único município do Estado do Amazonas escolhido pelo Governo Federal para participar do projeto piloto que tem como ideia levar o conteúdo de literacia familiar do Conta pra Mim para as visitas domiciliares a famílias em vulnerabilidade do Criança Feliz. O principal objetivo é estimular as crianças a desenvolverem, por meio de estratégias simples e divertidas, quatro habilidades fundamentais: ouvir, falar, ler e escrever. 

Desenvolvido em parceria com a prefeitura, o Criança Feliz é executado por servidores da Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social (SMDS), sendo referência na excelência e funcionamento do programa no Estado. A equipe é formada por 14 visitadores e duas supervisoras, que acompanham 400 crianças e gestantes e suas respectivas famílias por todos os bairros da cidade, atuando em quatro eixos: cognitivo, linguístico, motor e socioemocional.

Para a secretária da SMDS, Socorro Lopes, está entre as primeiras cidades brasileiras a desenvolver as ações integradas dos programas Conta pra Mim e Criança Feliz mostra que o governo municipal está no caminho certo para promover o desenvolvimento integral das crianças na Primeira Infância. “Estamos muito felizes em executar esse projeto piloto porque incentivar à aprendizagem das crianças e a participação das famílias é uma das prioridades determinadas pelo prefeito Keitton Pinheiro”, afirmou.

A partir de agora, as atividades do Conta pra Mim vão fazer parte dos conteúdos de abordagem do Criança Feliz, cujos visitadores foram treinados e capacitados para levar orientações e informações sobre a importância de os pais estimularem, por meio do vínculo familiar, as habilidades relacionadas à leitura, à escrita e a linguagem oral de seus filhos. Ambos os programas têm como foco o desenvolvimento de crianças na Primeira Infância, que abrange a faixa etária de 0 a 6 anos.

Nenhum comentário