Últimas

PL de Rodrigo Guedes converte milhas de viagens do poder público em passagens aéreas para atletas de Manaus



Em busca da valorização de atletas amazonenses, o vereador Rodrigo Guedes (Republicanos) propôs o Projeto de Lei 116 /2022 que busca converter milhas e outros benefícios provenientes de passagens aéreas adquiridas com recursos públicos para atletas e paratletas de Manaus. O PL foi deliberado pelos vereadores nesta quarta-feira, 04/05. 


A proposta estabelece que os poderes Legislativo e Executivo deverão converter em milhas ou outros benefícios oferecidos por companhias aéreas, relacionados a passagens aéreas adquiridas com recursos públicos para servidores em atividades oficiais. As milhas serão aplicadas em passagens aéreas a serem usadas por atletas e paratletas da capital.


De acordo com o projeto, terão direito ao benefício atletas ou paratletas que representem município e estejam devidamente cadastrados em suas agremiações, federações ou confederações esportivas e necessitam realizar viagens para participar de competições esportivas oficiais estaduais, nacionais ou internacionais promovidas pelas federações ou confederações esportivas. O auxílio também contempla os técnicos dos atletas e paratletas, no entanto, a proposta não se estende a qualquer dirigente das agremiações esportivas, independentemente da finalidade.


Para Guedes, a proposta busca auxiliar atletas amazonenses que não conseguem apoio para viajar e acabam perdendo oportunidades de disputar campeonatos fora do município, representar a cidade e crescer profissionalmente.


“Os atletas enfrentam uma triste realidade na nossa cidade, pois muitos precisam fazer vaquinhas e pedir dinheiro nos semáforos para custear as passagens aéreas. Então, a cada passagem comprada pelo poder público as milhas seriam direcionadas a um banco de milhas disponíveis para os atletas, o projeto busca fazer justiça. Sabemos que o momento mais importante na carreira de um atleta é a possibilidade de disputar campeonatos de grande visibilidade, por isso, precisamos garantir a presença dos nossos atletas em momentos como esse”, comentou.


Com a deliberação, a proposta segue para análise da Comissão de Constituição, Justiça e Redação (CCJR) e deve tramitar nas demais comissões da CMM até ser aprovada em plenário.  


Foto: Michell Mello

Nenhum comentário