Últimas

Polícia investiga se criança sofreu estupro antes de ser encontrada morta em igarapé

Um material genético deve ser retirado das partes íntimas da criança para investigação



Manaus – A polícia investiga se Alana Raquel Pereira da Costa, 2, encontrada morta dentro de um igarapé Raquel Pereira da Costa, 2, encontrada morta dentro de um igarapé nesta segunda-feira (2) foi estuprada e assassinada. 


A suspeita era de um possível afogamento, como informou o IML, mas algumas lesões encontradas na criança chamou a atenção da polícia. Um material genético deve ser retirado  das partes íntimas da criança para investigação.


Alana Raquel estava desaparecida desde domingo (1º) no final da Rua Pôr do Sol, comunidade da Fé, bairro Colônia Antônio Aleixo, zona leste de Manaus, e foi encontrado por moradores dentro de um igarapé no mesmo bairro.


A avó da menina identificada como Maria da Fé, disse que a criança estava brincando por volta das 17h em frente a sua residência, no final da rua quando desapareceu. Ela contou ainda que ao perceberam que a menina não estava mais em frente à casa, saíram para procurá-lá. Logo em seguida a mulher chamou a sua nora e perguntou se a menina estava com ela.


A família informou à Polícia Civil que a criança nunca ia naquele lugar, nem acompanhada de crianças maiores. Alana era filha única do casal.





*Com informações D24 AM

Nenhum comentário