Últimas

Auditores agropecuários do Amazonas distribuem seis mil laranjas em dia de greve

Em greve nacional pela reestruturação da carreira, auditores fiscais federais agropecuários que atuam em Manaus e região, também vão protestar amanhã, contra a aprovação do PL do Autocontrole, que retira da carreira a função de estado, de auditar e fiscalizar produtos de origem animal e vegetal



 

Com as atividades paralisadas em todo o país, por dois dias, os auditores fiscais federais agropecuários (affas)encontraram uma forma diferente de manifestar a insatisfação da carreira, no Amazonas. Contra a aprovação do Projeto de Lei do Autocontrole (PL 1.293/2021) e odescaso do governo federal com o pedido de reestruturação, que entre outros itens, inclui reposição de perdas inflacionárias de cinco anos, os affas que atuam no Amazonas vão distribuir seis mil laranjas à população, nesta quarta-feira (amanhã). 


O ato será realizado a partir das 9h (horário de Manaus), na Avenida Lourenço da Silva Braga, Cachoeirinha. A referência é em frente ao antigo PAC e atrás do presídio da 7 de setembro

 

Em sintonia com a greve nacional de dois dias, hoje e amanhã, os affas do estado reforçam que a paralisação nacional é uma ação para reivindicar a realização de concurso público, a reestruturação da carreira e a derrubada do Projeto de Lei 1293/2021, o chamado PL do autocontrole. Durante esse período os serviços inadiáveis serão mantidos para assegurar que não haja prejuízo à sociedade. 


O delegado sindical no Amazonas, Christian Barnadd, enfatizaa importância da reestruturação da carreira principalmente para solucionar a carência de affas e também pelaimportância do trabalho da carreira no estado.


“Atualmente temos que pensar no impacto positivo direto, da atuação dos affas na Zona Franca de Manaus, afinal somo nós que garantimos a segurança alimentar do país, destaca Christian e alerta sobre os efeitos negativos do PL do Autocontrole: “Com a aprovação desse projeto seremos obrigados a atestar produtos que não fiscalizamos, agindo como se fôssemos laranjas nesse processo”. O affa Rodrigo Serpa acrescenta ainda a relevância do trabalho dos affas “nas lavouras e rebanhos nacionais, evitando a introdução de pragas e doenças que possam afetar a agropecuária nacional.

 

De acordo com a Delegacia Sindical no estado, extensão do Sindicato Nacional da categoria (ANFFA Sindical), a intenção com esse protesto é chamar a atenção das autoridades em saúde pública e da população para os riscos que o projeto oferece à segurança alimentar do país. O PL do Autocontrole, do Executivo, está na Comissão de Agricultura e Reforma Agrária (CRA) do Senado Federal, sob a relatoria do senador Luis Carlos Heinze (PP/RS), prestes a ser aprovado, porque tramita em caráter terminativo. No momento, aguarda análise de pedido de vistas de senadores para ser votado. A aprovação do projeto é dada como certa por governistas.

 

 

Nenhum comentário