Últimas

Moradores do Prosamin São Raimundo comemoram processo de regularização dos imóveis

 Estado dá mais um passo no processo de regularização de 2,8 mil apartamentos, deixados por gestões passadas



Os moradores do Parque Residencial São Raimundo comemoram o processo de regularização dos apartamentos entregues pelo Programa Social e Ambiental de Manaus e Interior (Prosamin), de 2007 a 2016. O Governo do Amazonas, por meio da Unidade Gestora de Projetos Especiais (UGPE) e da Superintendência Estadual de Habitação (Suhab), está resolvendo o problema deixado por gestões passadas. Agora, 216 famílias terão título de propriedade em mãos.

 

“É bom a gente ter o nosso cantinho só para a gente. Não víamos a hora de receber esse título definitivo e compartilhar com todos os vizinhos também, é uma felicidade. Eu quero continuar aqui mesmo, gostei muito daqui porque é uma conquista muito grande”, comemorou o comerciante Carlos Cavalcante, de 57 anos.

 

Por determinação do governador Wilson Lima, o Estado dá mais um passo no processo de regularização de 2.823 apartamentos de residenciais entregues pelo Prosamin, alguns há 15 anos sem a situação regularizada.

 

No Prosamin do São Raimundo, 216 famílias foram atendidas pelo serviço social da UGPE e Suhab. De acordo com a subcoordenadora do Setor Social da UGPE, Viviane Dutra, essa primeira etapa do processo com as famílias foi para que os moradores apresentassem a documentação, que será avaliada pela Suhab.

 

“Toda uma fase de escritório, de levantamento de informações, de projetos de atualizações, organização das licenças de todos os documentos necessários para a regularização definitiva já está cumprida. Então, nesse primeiro momento, recebemos essas famílias para a atualização dos dados pessoais”, ressaltou Viviane.

 

Resgate

O Residencial do São Raimundo é o primeiro dos sete conjuntos habitacionais a passar por este processo, que busca resgatar uma dívida antiga, já que os moradores receberam os apartamentos, mas não têm o título de propriedade dos imóveis.

 

“Após sete anos aguardando essa situação, agora o Governo está nos proporcionando receber esse título definitivo. Isso é muito importante para a gente, porque isso nos dá direito assumido do que é nosso. Foram sete anos de expectativa. A partir do momento em que nós recebermos o título definitivo, vai ser uma conquista para cada um dos moradores”, ressaltou o morador Cléber Matos, de 53 anos.

 

Ainda de acordo com Viviane Dutra, o objetivo do Governo do Amazonas, por meio do projeto-piloto do Residencial São Raimundo, é conseguir entregar a titularidade definitiva a todos os imóveis do Prosamin que se encontram nesta situação.

 

“Esses imóveis ainda estão com a titularidade provisória precária, então, a ideia é que a gente consiga regularizar todos os apartamentos do programa que devem receber essa titulação”, disse.


FOTOS: Bruno Zanardo/Secom

Nenhum comentário