Últimas

Adolescente diz que a própria mãe soube que ela foi estuprada pelo padrasto mas não quis denunciar o caso em Manaus

Equipes da Polícia Civil do Amazonas (PC-AM), por meio da Delegacia Especializada em Proteção à Criança e ao Adolescente (Depca), deflagraram, na manhã desta sexta-feira (05/08), por volta das 6h15, ação policial que resultou na prisão de um homem de 40 anos, por crime de estupro de vulnerável, cometido contra sua enteada, uma adolescente de 15 anos. A prisão ocorreu no bairro São José, zona leste.

A delegada Joyce Coelho, titular da unidade especializada, disse que o crime ocorreu no dia 28 de julho deste ano, e, no dia seguinte, a vítima teria tentado tirar a própria vida, se jogando de uma passarela, naquela mesma zona.

“Foi a partir desta situação que tomamos conhecimento da ação criminosa. A adolescente compareceu à delegacia e, durante escuta especializada, relatou que o homem praticava o ato libidinoso há, mais ou menos, 2 anos”, explicou.

Ainda segundo Joyce, a vítima contou que sua mãe tinha ciência dos abusos, porém, a mesma teria amenizado a situação e optou por não efetuar a denúncia contra o homem.

“Diante da gravidade do fato, optamos por pedir pela prisão temporária do infrator e esta foi expedida no dia 2 de agosto deste ano, pela juíza Careen Aguiar Fernandes da Central de Plantão Criminal, bem como, o afastamento da adolescente da residência onde vivia junto ao autor”, ressaltou.

O homem responderá por estupro de vulnerável e ficará à disposição da Justiça.

Nenhum comentário