Últimas

Pastor foragido há 34 anos é preso acusado de assassinato

Ele tinha um mandado de prisão em aberto pelo crime e foi preso na própria casa, que também é sede de uma igreja



Um pastor foi preso nesta quinta-feira (4) por ser suspeito de ter assassinado um vigilante há 34 anos em Santa Rita, na Região Metropolitana de João Pessoa (PB). Ele tinha um mandado de prisão em aberto pelo crime e foi preso na própria casa, que também é sede de uma igreja.


De acordo com as informações da Polícia Civil, o homem de 63 anos era motorista de ônibus e trabalhava na mesma empresa da vítima na época do assassinato. O crime teria acontecido após o vigilante impedir que o suspeito trabalhasse com sintomas de embriaguez.


O pastor foi encaminhado para a carceragem da Central de Polícia. Ele vai passar por audiência de custódia e ficará à disposição da Justiça.



Nenhum comentário